Novo estudo epidemiológico
Novo estudo epidemiológico
Assinatura do Protocolo entre a AVALER e a AEVERSU

No dia 3 de outubro foi assinado um protocolo de colaboração entre a AVALER e a AEVERSU, no Museu da água da EPAL, em Lisboa. A AVALER e AEVERSU são associações congéneres de Portugal e Espanha que defendem que a valorização energética de resíduos, desviando de aterro e valorizando resíduos que não são reciclados, é uma componente fundamental da transição para Economia Circular, particularmente em países como Portugal e Espanha onde a fração de resíduos urbanos enviada para aterro se mantem estruturalmente acima de 50%.

Intervieram na sessão o Senhor Secretário de Estado do Ambiente, Engº Carlos Martins, o Presidente da CEWEP – Confederação Europeia de Valorização Energética de Resíduos, Paul de Bruycker e os Presidentes das duas Associações: o Engº Raphael Guinea da AEVERSU e o Engº Aires Pereira da AVALER (o discuso está disponível aqui). Nos países Ibéricos há presentemente 15 unidades de valorização energética de resíduos (dez em Espanha, quatro em Portugal e uma em Andorra) responsáveis pelo desvio de aterro e valorização de mais de 3,5 milhões de toneladas de resíduos por ano. O protocolo agora assinado visa estreitar relações técnicas, institucionais e estratégicas entre as duas Associações. A AVALER e a AEVERSU agradecem à EPAL a cedência do espaço e, naturalmente, ao Sr. Secretário de Estado do Ambiente e ao Sr. Presidente da CEWEP a sua participação.

 

Congresso CEWEP

Realizou-se nos dias 20 e 21 de setembro, em Bilbau, o 9º Congresso da CEWEP, com o tema "Waste-to-Energy Making Circular Economy Happen". Este evento bianual reuniu a comunidade europeia relacionada com a valorização energética de resíduos e todos os interessados em gestão de resíduos.

As comunicações ao Congresso e informação sobre os respetivos "speakers" estão disponíveis aqui.

A Drª Ana Loureiro, Diretora de Comunicação da EGF, foi a única speaker portuguesa e fez uma brilhante comunicação no painel de encerramento do Congresso, onde se tratou o tema: "Waste-to-Energy and Post-Truth Communication".

O Congresso inclui ainda um competição para seleção dos melhores projetos a concurso nas áreas da "inovação", "comunicação" e "integração" (informação disponível aqui). A Lipor concorreu com um filme, na área "comunicação", tendo recebido uma menção honrosa. 

Seminário ERSARA 19 de maio de 2018

A AVALER fez uma apresentação no Seminário Técnico ERSARA sobre águas e resíduos, organizado pela ERSARA - Entidade Reguladora dos Serviços de Águas E Resíduos dos Açores, que decorreu na cidade da Horta, Faial, nos dias 16 e 17 de maio. O dia 16 foi dedicado ao setor das águas e o dia 17 ao setor dos resíduos. Neste dia a AVALER fez uma comunicação sobre o papel da valorização energética de resíduos, no novo quadro regulatório criado com o pacote Economia Circular. A VALER congratula-se com o convite feito pela ERSARA e saúda a excelencia do evento, quer do ponto de vista da organização, quer das comunicações apresentadas. 

SEMANA EUROPEIA PREVENÇÃO RESIDUOS Janeiro 2018

A edição de 2017 da Semana Europeia da Prevenção de Resíduos registou novamente números recorde: 13.410 ações foram registadas em cerca de 39 países na Europa e além-fronteiras, como por exemplo no Brasil!
Em Portugal Continental e Ilhas foram registadas e dinamizadas mais de 270 ações, sendo que 173 destas ações foram registadas e dinamizadas na área da LIPOR.
A todos os que participaram, o nosso muito obrigado por se juntarem a este projeto e levarem mais longe a temática da Prevenção através da sensibilização das comunidades em que estão inseridos!
Só desta forma é possível chamar a atenção para a problemática da produção de resíduos e contrariar esta tendência crescente da sociedade atual.
Até à próxima edição façam da Prevenção um hábito do dia-a-dia e se não participaram nesta edição façam-no em 2018!

Consultem o nosso Portal - http://www.lipor.pt/pt/residuos-urbanos/prevencao/ - e inspirem-se. Verão que as ações de prevenção não têm que ser complexas ou dispendiosas! A Prevenção está nos pequenos gestos do nosso quotidiano!


Veja, ainda, o filme representativo das iniciativas dinamizadas na área da LIPOR em https://www.lipor.pt/pt/galerias_videos/index.php?id=126 ou no nosso Facebook em https://www.facebook.com/LiporGestaoResiduo/

A todos, esperamos contar com a vossa participação na edição de 2018!

 

VALORSUL LANÇA NOVO AGREGADO Agosto 2017

Na sua campanha de lançamento, a Valorsul cede gratuitamente uma carga de 20 toneladas, com transporte incluído, às primeiras 20 encomendas. As quantidades adicionais só pagam o transporte. A oferta é limitada a um raio de 60 km das instalações em Vila Franca de Xira. O agregado da Valorsul é um produto com marcação CE, conforme com a legislação europeia e com as normas europeias harmonizadas. O material foi estudado, com excelentes resultados, e aprovado pelo Laboratório Nacional de Engenharia Civil. Este material é inovador em Portugal, mas é habitualmente usado noutros países do norte da Europa, como Reino Unido, Noruega e Alemanha. No domínio da pavimentação rodoviária, este agregado artificial - próprio para camadas não ligadas de base e sub-base - constitui uma solução muito bem adaptada à construção rodoviária dado que possui características idênticas às dos agregados naturais, sendo uma alternativa de confiança, que associa um comportamento não plástico, elevados valores de resistência ao corte a uma boa capacidade resistente. De granulometria extensa, foi já utilizado na sub-base de estradas onde circulam habitualmente viaturas pesadas e também em arranjos paisagísticos em diversas obras municipais. A sua produção está em conformidade com as especificações da NP EN 13242:2002 + A1:2010.

VANTAGENS AMBIENTAIS

O agregado artificial da Valorsul, provém da valorização de resíduos, pelo que se enquadra nos 5% de materiais reciclados que obrigatoriamente todas as obras públicas devem incorporar. Além disso, é um exemplo perfeito de economia circular, poupando o recurso aos agregados naturais, tantas vezes extraídos de pedreiras e rios.

Para quem está a construir estradas ou caminhos e precisa de adquirir brita ou tout venant (e vai arcar com avultados custos de transporte), esta é uma oportunidade de poupar na conta da sua obra e nos recursos do seu planeta.